quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

La Dolce Vita

A Polícia Federal fez uma pequena faxina na classe média do Rio de Janeiro, metendo em cana algumas dezenas de contrabandistas e traficantes de fuzis, ecstasy, cocaína, etc.

Não vai dar em porra nenhuma, todos nós já podemos esperar. Filhos de gente bacana: promotor no Acre, publicitários, etc. Um deles não se via como contrabandista, o pobre ingênuo. Outro dizia que fazia isto para sustentar o nível de vida. Freak show total.

Mas fico pensando cá com os meus botões: a partir do momento em que o desconhecimento da lei não é motivo para descumpri-la, nível social e grau de escolaridade deveriam ser agravantes para todo e qualquer tipo de crime.

Enfim...

Um comentário:

Daniel "Gárgula" Braga disse...

Um deles morava no prédio, ao lado do meu!